GRES Andanças de Ciganos é a segunda escola a desfilar no sábado

O presidente Vilsinho Benayon e algumas das ciganas glamorosas

O Carnaval de Manaus 2019 voltou ao esquema antigo e, a partir deste ano, o desfile das escolas de samba acontece em três dias, de quinta a sábado, no Centro de Convenções, o famoso Sambódromo. A mudança atende a uma solicitação dos representantes das agremiações dos Grupos de Acesso, que tradicionalmente se apresentavam em uma única noite, na sexta-feira, e agora terão duas noites para isso. Não houve alteração na apresentação do Grupo Especial.

O Grupo de Acesso C abriu a programação nesta quinta, 28/2, às 21h, com o desfile da Meninos Levados. Em seguida, passaram pela Avenida do Samba a Império do Mauá (21h40), Ipixuna (22h20), Leões do Barão Açu (23h), Gaviões do Parque 10 (23h40) e Legião de Bambas (0h20). Cada escola teve 40 minutos para o desfile.

Nesta sexta-feira, 1/3, o Grupo de Acesso B começará o desfile com a Tradição Leste (21h), e depois seguirá com Coophasa (21h35), Mocidade Independente da Raiz (22h10), Império do Havaí (22h45) e Presidente Vargas (23h20). O tempo de desfile para cada escola será de 35 minutos.

Segundo grupo da noite, o Acesso A começará a desfilar às 23h55, com a Escola de Samba Coroado. Na sequência, terá Dragões do Império (0h35), Acadêmicos da Cidade Alta (1h15), Cidade Nova (1h55), Beija Flor do Norte (2h35), Balaku Blaku (3h15) e Sem Compromisso (3h55). Serão 40 minutos de desfile para cada agremiação.

Fechando os desfiles, no sábado, 2/3, será a vez do Grupo Especial. A programação começará mais cedo, às 20h, com a Primos da Ilha, e continuará com Andanças de Ciganos (21h20), Vitória Régia (22h40), Vila da Barra (0h), Reino Unido da Liberdade (1h20), Unidos do Alvorada (2h40), A Grande Família (4h) e Mocidade Independente de Aparecida (5h20). Cada agremiação terá até 70 minutos para defender seu enredo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here