Pai de santo de Coari psicografa segunda marchinha da BICA

Para os cristãos, o dia 20 de janeiro é dedicado a comemorar o dia de São Sebastião, considerado um mártir daquela religião. Também nesse dia, todos os terreiros de umbanda, candomblé e quimbanda realizam festas para rezar e reverenciar o santo católico que é sincretizado no orixá Oxóssi.

Oxóssi também é o orixá responsável por todas as linhas de caboclo nas florestas, águas, ar, tempo e vento. De acordo com a religião afro, são os caboclos chefiados por Oxóssi que quebram todas as energias negativas, doenças sem cura, olho grande, inveja, ódio e falta de fé.

Foi durante a festa do santo, que aconteceu no Terreiro Santa Bárbara, no bairro Tauá-Mirim, em Coari, que o Pai Bira do Barão de Guaporé entrou em transe mediúnico e psicografou a segunda letra da Banda Independente Confraria do Armando (BICA), que vocês vão conhecer em primeira mão.

Título: Jacaré cantou de galo na casa do jaraqui
Letra: Tude Moutinho, Mário Dantas e Engels Medeiros
Música: Carlito Ferraz

Jacaré cantou de galo na casa do jaraqui
Acabando a dinastia do tal boto tucuxi
Parece uma nova onda, vamos ver, vamos esperar
Se os lesos de mãos dadas vão ter peito pra mamar

Mas se esse tinga virar jacaré-açu
Goela grande igualzinha à do Dudu
É nessa hora que o bicho vai pegar
E todo mundo na minha BICA vai entrar

A Lourdes disse e o Armando confirmou:
Não se escolhe hora e lugar pra nascer
Mas amigos e calçada para andar, ora pois, pois,
A gente pode escolher…

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here